O que é câncer colorretal?
São tumores que acometem o intestino grosso que é subdividido em cólon e reto. Uma característica importantíssima desses tumores é que a maioria deles tem origem em pólipos que são pequenas elevações na parede do cólon e/ou do reto e que crescem muito lentamente, podendo levar muitos anos para se tornarem malignos. Isso permite que esses pólipos possam ser identificados e retirados antes de se transformarem em tumores malignos, através da colonoscopia. Quais são os fatores de risco? Uma dieta rica em carnes vermelhas, processadas (salsichas, mortadelas, etc) e gorduras, não praticar exercícios físicos, a obesidade, o tabagismo, o alcoolismo, a idade acima de 50 anos, o fato de já ter tido pólipos ou câncer colorretal ou doença inflamatória intestinal, a ocorrência de câncer colorretal em familiares de primeiro e segundo graus e as síndromes hereditárias, sendo as mais comuns a polipose adenomatosa familiar e o câncer colorretal hereditário sem polipose, são todos fatores que podem influenciar na ocorrência de tumores colorretais. Quais são os sinais e sintomas? Mudança do hábito intestinal, isto é, constipação ou diarreia sem associação com o alimento ingerido. Anemia, fraqueza, cólica abdominal, emagrecimento. Sangramento pelo reto. Sensação de evacuação incompleta. Como prevenir este tipo de câncer? Adotar uma dieta rica em frutas, verduras e vegetais, evitar carnes vermelhas e embutidos, praticar exercícios físicos, combater a obesidade, não fumar, não ingerir bebidas alcoólicas em excesso, são atitudes importante na prevenção. Entretanto, há necessidade de se submeter a exame de rastreamento, uma vez que essas medidas não são 100% eficazes. Como é o tratamento? O tratamento nos tumores iniciais geralmente é menos agressivo, através da retirada de pólipos e lesões pela colonoscopia ou por cirurgias com ressecções locais dos tumores. Nos tumores maiores do cólon há necessidade de cirurgia (convencional, laparoscópica ou robótica). Nos tumores do reto pode haver necessidade de radioterapia e quimioterapia antes da cirurgia. Resumindo, o tratamento envolve radioterapia, quimioterapia e/ou cirurgia dependendo do local, do tamanho e extensão da doença no cólon ou em outros órgãos no caso de existirem metástases (aparecimento do tumor em outro órgão como fígado ou pulmão, por exemplo). Quanto mais precoce o tratamento menor a agressividade e o tempo de tratamento, proporcionando melhor qualidade de vida ao paciente. O Hospital de Câncer de Barretos escolheu o mês de março, que abriga o “Dia Nacional de Combate ao Câncer de Intestino” (27), e a cor azul marinho para criar a campanha de prevenção do câncer colorretal: o “Março Marinho”. A intenção é que a data seja celebrada anualmente, com o objetivo de compartilhar informações sobre o câncer que acomete o intestino grosso (ou cólon) e o reto (a parte final do intestino). Educar, informar e divulgar são os principais pilares dessa ação que coloca o HCB como a única instituição do SUS a criar um projeto de rastreamento para essa doença. O câncer colorretal é o terceiro tipo de câncer mais frequente entre os homens e o segundo entre as mulheres. O risco de se desenvolver a doença aumenta na medida em que as pessoas envelhecem. Apesar do câncer colorretal ocorrer em qualquer idade, a maior parte das pessoas atingidas possui entre 50 e 60 anos.
 
06/03/2019 - São tumores que acometem o intestino grosso que é subdividido em cólon e reto. Uma característica importantíss...
11/02/2019 - É especialmente importante fazer da prevenção do diabetes uma prioridade se você tiver um risco alto de diabet...
11/02/2019 - Já reparou que nos últimos alguns meses vêm sendo associados a cores. Começou com o OUTUBRO ROSA, continuou co...
11/02/2019 - Já reparou que muita gente tem o hábito de levar o carro a revisão a cada 10 mil quilômetros, mas não tem o me...
11/02/2019 - Talassemia, também conhecida como anemia do Mediterrâneo, é uma doença hereditária trazida para o Brasil pelos...
11/02/2019 - Mais do que viver muito, as pessoas querem é viver muito bem. Estudo conduzido pelo National Institute on Agin...
11/02/2019 - Considerada a enfermidade mais antiga da humanidade, a hanseníase tem cura, mas ainda hoje representa um probl...
17/12/2018 - Pelo quarto ano consecutivo, a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) promove a campanha Dezembro Laranja....
17/12/2018 - Todo mundo já fez um check-up pelo menos uma vez na vida. Algumas pessoas exageram e procuram seu médico de 6 ...
17/12/2018 - Pedidos com relativa frequência, esses testes ajudam a solucionar suspeitas sobre uma série de problemas, de ...
17/12/2018 - Mais do que viver muito, as pessoas querem é viver muito bem. Estudo conduzido pelo National Institute on Agin...
21/11/2018 - No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos por causa da doença, segundo o Inca. Exames preventivos devem ser ...
21/11/2018 - Novembro Azul é o mês (de 1 a 30 de novembro) dedicado à saúde do homem. Embora com especial ênfase para a pr...
21/11/2018 - O câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, em grande parte dos casos, aumentando assim as chances ...
21/11/2018 - Presente em diversos alimentos, o potássio é um mineral muito importante para o corpo, responsável pela transm...